Resiliência

Por Vanessa Haetinger   |  

    Resiliência é um termo que tem sido usado para designar a capacidade de um indivíduo recuperar-se diante de traumas, situações de stress, abalos ou mudanças impostas no decorrer da vida. O termo se origina na física para designar materiais que absorvem impactos e retomam sua forma primeira. Na área do comportamento humano se aplica ao enfrentamento de problemas e superação de adversidades. Ou, ainda como diriam os antigos, a possibilidade de saber “fazer do limão uma limonada.”

   Não se trata apenas de resistir às pressões do dia-a-adia de forma rígida, e sim, resistir a elas de forma flexível. Pois, se não nos tornarmos duros e frios acabaremos por nos quebrar. Nossa saúde psíquica ou física poderá sofrer com este choque. É aí que tudo fica bem mais complicado. Intransigências não são bem vindas. Pessoas resilientes sabem que ouvir o outro e colocar-se no seu lugar de forma empática pode ser a solução dos impasses que surgem na vida de qualquer pessoa.

No mundo do trabalho este termo, também, tem sido bem referido em se tratando da necessidade de pessoas com este perfil no mercado. Ou seja, pessoas que aprendem com as crises, “seguram as pontas”, além de suportar a pressão põem a criatividade para encontrar soluções alternativas. A empresa como um todo deve ser resiliente e para tal precisa trabalhar e investir na formação de seus funcionários, especialmente seus gestores.

    No caminho que cada um de nós percorre, encontramos desafios: rios, pedras ou passagens íngremes imprevisíveis. Não podemos e não queremos ficar parados e muito menos nos machucar com empecilhos. Precisamos adquirir preparo e habilidades para ultrapassá-los. Não podemos mudar as circunstâncias, mas podemos mudar a nós mesmos sem perder a alegria, a esperança e o amor.

    Há sempre um aprendizado querendo se fazer ver; mostrar o que é o mais importante... Nas dificuldades aprendemos. Infelizmente, às vezes, é só assim. O elemento sempre presente e que a partir dele aprendemos é o nosso semelhante. Tudo gira em torno das pessoas. Nelas está a solução: nosso aprendizado e nossa vitória! Não devemos perder a doçura diante do amargo ou azedo da vida e abrir mão do amor e da paz que sentimos ao nos relacionarmos de maneira amorosa e construtiva com o nosso próximo. Vamos pegar este “limão e fazer uma limonada”?

Vanessa Haetinger

Teóloga e Pesquisadora em Filosofia Clínica.

Professora e Palestrante Motivacional e Comportamental

Contato: [email protected]

Publicidade

Motasa Sicredi

NO AR.

17:00 ~ 19:00